Ir para o conteúdo

Turismo Olímpia - SP e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Turismo Olímpia - SP
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Últimas Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
OUT
31
31 OUT 2023
156 visualizações
Olímpia recebe Circuito Sesc de Artes neste sábado (4)
enviar para um amigo
receba notícias
A Estância Turística de Olímpia receberá neste sábado, 4 de novembro, o Circuito Sesc de Artes 2023. Neste ano, as atrações serão realizadas na ECO – Estação Cultural de Olímpia. A partir das 16 horas, diversas atividades gratuitas com dança, música, oficinas, apresentações culturais e ações literárias estarão à disposição de toda população olimpiense.
 
O Circuito Sesc de Artes chega a 2023 levando uma programação gratuita para 123 cidades do Estado de São Paulo. Realizado pelo Sesc São Paulo, o circuito chega a Olímpia por meio do SESC Catanduva em parceria com secretaria de Turismo e Cultura. O evento reúne 75 trabalhos artísticos distribuídos em seis finais de semana entre os dias 21 de outubro e 26 de novembro. Serão mais de 700 atividades divididas em 12 roteiros diferentes, que percorrerão municípios da Grande São Paulo, interior e litoral paulista abrangendo todas as idades e interesses.

Em Olímpia, com uma programação diversificada de danças, literatura, artes visuais, teatro, música e show de circo, a escolha das atrações mostrou um olhar atento para a diversidade e a representatividade.

PROGRAMAÇÃO
A música marca presença na edição 2023 do Circuito Sesc de Artes com apresentações das DJs Alliblack e Emily Souza, que trazem uma seleção de ritmos da cultura negra, como hip hop, jazz, blues, samba, soul, funk e afrobeat. Nascida no Mato Grosso do Sul, Alliblack é poeta, rapper, DJ, mestre de cerimônias e produtora cultural. De São Paulo, Emily Souza atua como DJ e produtora de eventos do Slam Quilombo de Dandara.
 
Outra atração musical é o projeto Moda de Rock, dos músicos Ricardo Vignini e Zé Helder, que transforma canções clássicas do rock em versões instrumentais para viola caipira. O repertório combina sucessos de bandas nacionais, como Mutantes, Novos Baianos, Ira! e Plebe Rude, e estrangeiras, a exemplo de Beatles, Nirvana, Queen e Led Zeppelin.
 
Públicos de todas as idades poderão se divertir com a intervenção Cabeção Pelo Mundo, da dançarina e manipuladora Maria Eugenia Tita, que dá vida ao simpático e encantador boneco Cabeção, herdeiro das tradições populares brasileiras. Ao ritmo de passos de frevo, cavalo marinho, caboclinho e capoeira, ele convida a plateia a se entregar à dança e ao riso.
 
Equilibrismo, malabarismo e acrobacias conduzem o espetáculo Herolino, o faxineiro, de Erickson Almeida, que transforma a limpeza em um grande show. Quando chega para seu primeiro dia de trabalho em um novo local – o circo –, o faxineiro Herolino se deixa levar pela imaginação e inventa números incríveis com vassoura, balde e espanador.
 
Usando óculos e fones de ouvido especiais, o público poderá participar de uma experiência de cinema em realidade virtual. Em Amazônia Viva [Dir: Estevão Ciavatta, Brasil, 2022, 10 min], o público é transportado para a região do rio Tapajós e viaja ao coração da floresta. Conduzida pela líder indígena Raquel Tupinambá, da comunidade Surucuá, a narrativa ajuda a entender a importância do local e de sua preservação. Em 2023, a obra levou o prêmio de Melhor Filme de Realidade Virtual 360° no Barcelona Planet Film Festival.
 
Na oficina Sonorilândia em Sinopets, o artista, educador e musicoterapeuta André Pereira Lindenberg, conhecido como Dedéco, propõe a transformação de garrafas PET em instrumentos musicais. A atividade mostra como produzir sinopets, sinos feitos com o material. Ao final, o público é convidado a se aventurar como regente da sinfonia sonora produzida em conjunto.
 
Já com a Bikeoteca, uma bicicleta transformada em biblioteca ambulante, o grupo Histórias da Nana, de Presidente Prudente, busca estimular a formação de leitores. Além de explorar livremente os títulos disponíveis, com sugestões para todas as idades, o público pode pedir indicações e participar de mediações individuais e interações literárias.
Fonte: https://www.olimpia.sp.gov.br/portal/noticias/0/3/6483/olimpia-recebe-circuito-sesc-de-artes-neste-sabado-4
Autor: Secretaria de Turismo e Cultura
Local: Estação Cultural de Olímpia
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia